Skip to content

Palavras emprestadas

outubro 4, 2007
by

Faz uns meses eu peguei na biblioteca perto da minha casa o livro “What about the Words?”, da Memory Makers. O livro dá dicas simples de como melhorar o seu journaling no scrapbooking. Eu vou fazer uma série de posts no blog com resumos das dicas que eles dão nesse livro.

Pra quem não tem muita facilidade pra escrever, o journaling pode ser um grande desafio, às vezes obstáculo na hora de criar uma página. Mas não precisa ser tão difícil assim, né? Vocês sabem que eu acho que o journaling faz toda a diferença na página. Não que seja ruim uma página sem journaling – há vários estilos, claro. Mas se você quer tentar melhorar e incrementar o journaling nos seus layouts, porque não adotar uma dessas dicas?

O primeiro capítulo do livro fala das “palavras emprestadas”. Quando a gente não consegue criar um texto sozinha, não tem nada demais utilizar textos já prontos, que podem dar um significado especial à página. Veja aqui os tipos de texto que você pode aproveitar como journaling quando a inspiração não bater na sua porta:

Letras de músicas – aproveite a dica da Mi do Dupla Inspiração de ontem! Trechos de música às vezes falam tanto de nós, ou de sentimentos que compartilhamos. Letras de música são fontes riquíssimas de inspiração pra um journaling bem bacana.

Layout da nossa Carlinha:

Carla

Citações, frases e versos – Quantas vezes você não se deparou com uma citação e se identificou com ela? Aproveite as palavras dos grandes pensadores, poetas e autores para contar a história da sua página. Alguns sites legais pra pesquisar citações, frases e versos:
http://www.pensador.info/
http://www.citador.pt/
http://www.frasesepensamentos.com.br/
http://www.mensagensepoemas.com.br/
http://www.poemasdeamor.com.br/

Layout da Thaty Borges:

Thaty Borges
créditos

Nomes de programas de televisão, novelas e filmes – Alguns desses podem dar ótimos títulos de páginas! Exemplo: Laços de Família, Sol de Verão, Baila Comigo, Melhor é Impossível, A Vida é Bela, etc.

Propagandas, slogans – A publicidade também pode ser uma ótima fonte de inspiração. No livro eles dão o exemplo da propaganda do cartão de crédito Visa. Tinha uma página no estilo da propaganda, mostrando coisas que tinham um valor real, e o que “não tem preço”. Passe a reparar nas propagandas e de repente você pode ter idéias para uma nova página.

Definições de dicionário – Fácil, fácil. Se o tema da sua página é sobre amizade, pega lá o seu Aurélio (ou Houaiss, mais moderninho!) e tasca a definição de amizade na sua página. Amor, paixão, carisma, sorte, felicidade, diversão, companheirismo… Qualquer palavra que emita o sentimento do seu layout. Já tem o journaling garantido.

Layout da Line Prado:

Line Prado
créditos

No próximo post da série, vamos falar de palavras e frases simples.

Até mais!

Ana Paula

Anúncios
10 Comentários leave one →
  1. outubro 4, 2007 11:52 am

    Nooooooooossa..
    Vc não tem idéia de como essas dicas me ajudaram!!! Eu simplesmente sou péssima com journaling, isso é meu maior desafio em meus LO’s..
    Adoreiiii demais as dicas q foram dadas! Isso com certeza vai mudar minha forma de pensar num journaling..
    Qdo fiz este LO com a frase do Quintana, foi justamente falta do que escrever.. e como AMOOOOOOOOOOOOOOOOO Quintana, achei q seria legal!
    Obrigado pelas dicas.. e parabéns pelo post super útil!!

  2. Erica Ambrosio permalink
    outubro 4, 2007 1:36 pm

    Obrigada pelas dicas. Eu tenho muita dificuldade no journaling.
    Um site que eu uso muito é o Phrase Guide do Peppermint Creative. Tem sobre quase tudo lá.

  3. Harumi permalink
    outubro 4, 2007 3:18 pm

    Nossa… Amei essa dica.
    Muito bom quando estamos sem inspiração pra escrever.

  4. outubro 4, 2007 4:00 pm

    Amei essa dica, muito valiosa pra mim!

    Bjs!

  5. outubro 4, 2007 9:53 pm

    Amei!!! Fiquei inspiradíssima!!!

  6. outubro 5, 2007 7:34 am

    Ana que legal essa dica. Sabe que minha MAIOR dificuldade nos meus scraps são quando chego no journaling, tenho dificuldade com tudo, do tamanho a escolha da letra, inspiração pra o que vai estar escrito nem sempre ta em alta e eu confesso que ja havia adotado essa tecnica de usar trechos de musicas ou citaçoes ja prontinhas, mas confesso que ficava pensando que poderia não ser legal, sei la!
    Vocês sempre tiram minhas duvidas em relação a varios detalhes, muito legal tudo isso!

    muito obrigada a todas vocês

  7. Aline permalink
    outubro 8, 2007 2:41 am

    ai nem sei o q eu qro lhe dize acho lindo o q vc faz…como ando meio pra baixo descobri sua pagina sem quere…qro aprender a fazer…mas esse programa q usa eu não sei qual é??tenho um aqui q se chama
    photostudio5 mas nada a ver eu acho…bom ou leiga no assunto e só qro uma terapia acho q isso seria bom…bjus

  8. outubro 8, 2007 1:30 pm

    Por conta do loginstyle começei a ler o teu blog para fazer fazer os scrapbooks das minhas filhotas. Parabéns pela dicas. Só para acrescentar a este post tem também o site do Jornal da Poesia (http://www.secrel.com.br/jpoesia/indice.html), um dos maiores repositórios de poesia em lingua portuguesa que conheço.

  9. janeiro 19, 2010 2:44 pm

    gostei dessa dica

Trackbacks

  1. Scrapblog » Journaling: pequenos passos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: