Skip to content

Fotografando crianças

março 31, 2009
by

Acharam que eu não ia aparecer por aqui nesse mês tão especial, né? Pois vim aos 45 do segundo tempo, mas vim! ;c) Hoje resolvi falar um pouco sobre um assunto recorrente entre nós, mães-scrappers: como fotografar crianças. Pessoalmente, posso garantir que muita coisa mudou pra mim depois que comecei a ler um pouco mais sobre o assunto e, principalmente, quando parei para pensar melhor no meu objetivo com tudo isso.

O que eu quero registrar ao tirar tantas fotografias? São momentos especiais, lembranças, ângulos divertidos ou simplesmente crianças arrumadinhas que sorriem para a câmera? Quero gravar para sempre emoções, trejeitos e imperfeições ou perpetuar ensaios fotográficos?

A minha resposta, imagino eu, deve ser parecida com a de todas vocês: eu quero tudo isso! rs Então, com isso em mente, parei de me preocupar se as crianças estão olhando para a câmera, rindo, de olhos abertos, com os cabelos penteados e comecei a perceber as sutilezas do que está em volta na hora de fotografar. Estou registrando o objeto da foto ou a emoção/ação que o objeto está vivenciando/realizando? Qual é a história por trás dessa foto?

Foi então que tudo mudou. É muito raro alguém me ouvir gritando lá do outro lado da câmera coisas do tipo “Rafinha, olha pra mamãe!” ou “Juju, olha aqui pra câmera!”. Obviamente eu falo isso, algumas vezes meu objetivo é simplesmente ter fotos de crianças olhando para frente, mas nem sempre é o caso. Comecei a desenvolver truques para fazê-los participar da fotografia ou fazerem o que estou pedindo. E também tento “dirigi-los”, pedindo que eles façam coisas pra mim como se estivessem brincando. Nesse meio tempo, saio clicando, clicando, clicando.

Não sou expert em fotografia e nem domino a parte técnica. Mas, acho que tenho um bom olhar, tento aguçar a minha sensibilidade na hora de fotografar. E isso tem me ajudado muito a conseguir melhores resultados. Indiferente de você ter uma DSLR ou uma Point and shoot, é preciso experimentar! Emoção independe do seu equipamento, certo? Então vamos compartilhar algumas dicas!

Capturando emoções

Por que será que as pessoas estão sempre sorrindo em fotos? E se elas chorarem de emoção? Ou de medo? Ou estiverem sérias, pensativas, admirando uma paisagem? Vai ser lindo do mesmo jeito, certo? Não deixe esses momentos se desperdiçarem, clique-os também! Busque formas de transmitir em sua imagem a sensação que você e seu filho estavam sentindo naquele exato momento!

Essa foto foi tirada na primeira vez que levamos Juju à praia. Assustada com o mar e incomodada com a areia, ela chorou. Além do seu choro, sentido, magoado, seus olhinhos apertados transmitem toda a sua emoção. Pra completar, a avó também demostra claramente o que está sentindo. Lindo, né?

Saudades do vovô. Nesse abraço apertado, com os olhinhos sorrindo, impossível deixar de sentir o que o pequeno Otávio está sentindo, não é?

Carnaval, alegria, diversão. Ao som de pandeiros e tamborins, eu e Juju sambávamos e caíamos na gargalhada. A foto me faz rir, e a você?

Usando luzes diferentes

Aprendi com o tempo que quanto menos flash, melhor. A foto sai mais natural, com as cores mais bonitas e a câmera responde mais rápido, sem precisar recarregar toda hora. Então, a ordem lá em casa é sempre procurar uma janela, uma porta de varanda ou tirar fotos ao ar livre, em horários diferentes. As minhas horas favoritas do dia são de manhã cedinho (o que é raro! rs) e o fim da tarde… O alaranjado do sol cria efeitos surpreendentes nas fotografias! Além disso, que tal sair do lugar comum e testar lanternas, lâmpadas e abajoures?

Quando o uso do flash é inevitável, procuro testar antes, para adaptar o ISO. Ainda me confundo um pouco com a abertura da câmera, então deixo ela mesma decidir a melhor opção, depois que escolho o ISO que vou usar.

A luz do sol, no final da tarde, causa efeitos incríveis! Reparem no brilho dos cabelos e na cor dos olhos... O ventinho à beira da lagoa deu o toque que faltava para a foto ficar perfeita!

Palco escuro, com iluminação estranha. Antes de Juju ir pro palco, tirei algumas fotos e fui testando diferentes ISOs. Mesmo correndo o risco de ficar muito granulado, optei pelo ISO 800. Não me arrependi. Além de conseguir luz suficiente, capturei os movimentos da minha Emília!

 Virando criança também

Seu filho está brincando na grama? Então engatinhe junto com ele! Brincadeira de correr, trate de entrar na onda! Nada melhor para capturar a emoção do seu filho do que se emocionar com ele! Não pense duas vezes antes de se agachar para ficar da mesma altura que seu pequeno na hora de tirar uma foto. Ou então deite no chão e surpreenda-se com o resultado!

Rafinha estava subindo a escada do parquinho para chegar no alto da casinha e descer no escorrega. Lá de cima, surpreendi meu menino e capturei um sorriso maravilhoso!
Rafa estava tão concentrado em sua brincadeira que não resisti: deitei na areia para registrar esse momento tão fofo! De quebra, aproveitei a bola rosa para dar um contraste que deixei a foto ainda mais divertida!
Rafa estava tão concentrado em sua brincadeira que não resisti: deitei na areia para registrar esse momento tão fofo! De quebra, aproveitei a bola rosa para dar um contraste que deixei a foto ainda mais divertida!

Agora, se ele fez arte e a cena é engraçada, nada de sair brigando com a pobre criancinha! Que tal correr para pegar a câmera antes e registrar para sempre o momento? Vai dizer que não é bem melhor? rs

Quando era bebê, André não podia ver uma porta de armário aberta que já ia entrando! Imagina se
a Aninha ia deixar de registrar essa cena? ;c)

Dirigindo a fotografia

 Se você e as crianças estiverem de bom humor, taí um ótimo momento para tentar tirar umas fotos mais criativas ou até mesmo pousadas. Para isso, você vai precisar “dirigir” seus pequenos modelos, sugerindo que façam algumas poses ou brincadeiras que rendam um cliques legais. Não precisa de nenhuma produção, não! Basta sugerir que façam umas coisas diferentes e divertidas, sem chamar a atenção pra câmera. Quando eles entrarem na brincadeira, comece a clicar! 😉

Vários bichichos de pelúcia e um bebê fofinho e lindo! Cenário ideal para fotos, certo? Que tal começar a fazer cosquinha ou falar coisas engraçadas para ele, sem que perceba que no fundo, no fundo, você quer tirar uma foto? rs Aqui deu certo!
Fotos dos irmão se beijando e abraçando? Só se for com muita psicologia infantil! rs Com a câmera preparada, vá dizendo como os dois ficam lindos juntos, peça para abraçar e dar beijinho. Saia apertando o botão da câmera quantas vezes forem necessárias! rs E, não esqueça de ir elogiando, mostrando para eles como você fica feliz ao vê-los assim.
Quando o bebê olha pra câmera, melhor ainda! Agora, você só precisa fazê-lo sorrir! Converse com ele, elogie, fale coisas engraçadas… Uma hora a foto sai assim, perfeita! 😉

 

Fotografe o momento 

“Ei, olha pra mamãe!”, “olha o passarinho”, “sorri pra mim”… Essas frases te fazem lembrar alguém? rs Antes que as crianças criem trauma da mãe tarada que não pára de fotografar, lembre que para tirar uma boa foto ou registrar um momento nem sempre é preciso que eles estejam olhando para a câmera. Muitas vezes o que faz a diferença é justamente o contrário: fotografá-los em ação!


Tem coisa mais linda do que ver irmãos brincando? Melhor ainda se você fotografá-los sem interromper a brincadeira, só babando e clicando…
 
 Foto de costas? Sim! Primeira vez na pista de boliche não dá pra perder, dá? E olha que fofo ele todo concentrado…
 
 
E o fofo do André brincando com o chuveirinho? Você teria coragem de atrapalhar sua brincadeira? Ainda bem que a Aninha não fez isso… Como íamos babar com esses olhinhos curiosos?
Primeira aula de judô, criançada eufórica. O sorriso deles diz tudo, certo?
Ângulos diferentes
Que tal usar a criatividade na hora de fotografar? Esqueça o tradicional objeto-centralizado-olhando-pra-foto e saia por aí ousando! O resultado pode ser surpreendente…

Juju estava brincando em cima de um escorrega. No céu, um azul impressionante. Quando ela esticou os dedinhos para me mostrar alguma coisa, pensei rápido e adorei o resultado: ângulo de baixo pra cima, menina no canto direito inferior, dedinhos levando os nossos olhos para o canto oposto. No mínimo diferente…
 
De cima para baixo, cortando a cabeça? Sim! E ficou perfeita essa foto! Os olhinhos do André se destacaram ainda mais, o ângulo favorecendo esse rostinho lindo… De babar, não?

Essas asinhas de anjo me deram uma idéia… O céu azulzinho, a luz de fim de tarde e o mar da Praia da Urca acabaram se tornando o cenário ideal para minha anjinha Juju, concordam? De costas, mas sempre linda! ;c)
E então? Perceberam o que eu queria falar lá no início do post? Ousem, experimentem, não se prendam ao convencional o tempo todo. Quando o assunto é fotografia, ouça o seu coração e deixe a criatividade rolar solta. O resultado vai ser ótimo, acredite!
Anúncios
Deixe um comentário leave one →
  1. março 31, 2009 9:03 am

    Post maravilhoso Mic!
    Adorei todas as dicas!!!

    CarlaIan’s last blog post..LUTO

  2. Rosemere permalink
    março 31, 2009 9:38 am

    Que post legal, Mic!

    Adorei a forma com vc se expressou e a sua sensibilidade para falar do assunto. Algumas coisas eu já sabia, ainda que intuitivamente. Mas vc soube ir além, hehehe. Só uma mãe conseguiria ir tão fundo!

    Muito obrigada pelo que acrescentou à minha perpectiva sobre o assunto! Adorei!

    Beijos!

  3. março 31, 2009 9:39 am

    Muito legal! Adorei todas as dicas!
    O Enzo já está tão acostumado em me ver com a câmera querendo fotografá-lo que quando está fazendo algo divertido, ele mesmo pede: “Tira foto, mamãe!”…rs…

    bjs

    Ana Mara’s last blog post..Feliz Páscoa e FREEBIE

  4. março 31, 2009 10:48 am

    Amei essas dicas! Show de criatividade e um balde de inspiração para nós!! Ás vezes nos prendemos em querer tirar a foto perfeita da criança e ficamos q nem doidas chamando para olharem, quando a foto natural e ainda capturada com emoção fica incomparável!!!

  5. Ana permalink
    março 31, 2009 11:20 am

    Post perfeito…amei tudo, mto bom msm…to ate babando!!
    Bjus

  6. Lia permalink
    março 31, 2009 1:03 pm

    Cada foto mais linda que a outra!
    A do Andre no armário está hilária rsssss…
    Parabens !

  7. março 31, 2009 1:44 pm

    Como fotógrafa especializada em família e crianças que sou, posso dizer que vc arrasou nas dicas Mic! 😉 parabens!!!

    erika verginelli | photography’s last blog post..Minha entrevista está no ar!!!! Ebaaa!!!

  8. março 31, 2009 1:53 pm

    Gente! To adorando esse mes de março… pena que ja vai acabar! Sou apaixonada por fotografia e amei todos os posts, todas as dicas! Atraves daqui tb conheci o trabalho de muita gente como a Erika, Pioneer Woman, Anderson Miranda, etc… Babei muito! E quero agradecer, pq estava meio down, confusa com tantos afazeres, planos… e esse mes dedicado a foto me inspirou a divulgar meu trabalho tb, fazer uma galeria das minhas fotos (em construcao!) e me dedicar a isso que tanto amo! Obrigada Scrapblog! Qualquer dia volto com meu link pra dividir minha paixao com vcs!

  9. Mi Müller permalink
    março 31, 2009 2:39 pm

    Mic amei as dicas… e as tuas fotos são inspiração guria!! Essa de Juju apontando algo está um escândalo de linda!!
    estrelinhas coloridas…

  10. março 31, 2009 2:41 pm

    Mic, aprend muito hoje!!! Muitas dicas já tinha noção somente olhando suas fotos (As da Aninha também são um arraso!!!!)..obrigada pelas super dicas!!!

  11. março 31, 2009 2:57 pm

    Senti falta das fotos (maravilhosas) da Ana Paula Calabresi….

    Flavia Oliveira’s last blog post..Cara de pau!

  12. março 31, 2009 5:43 pm

    Amei o post, Mic! Muito bom mesmo.
    Obrigada pelas dicas,
    beijocas

  13. março 31, 2009 6:18 pm

    Perfeito! Esse artigo é para guardar pra sempre!!!
    Muito obrigado Mic 😉

    Beijo, Beijo, Beijo,

    Mell

    Mell Caetano’s last blog post..Hora do Planeta

  14. março 31, 2009 7:44 pm

    Adorei o post…. parabens!

  15. Paula Francovig permalink
    março 31, 2009 8:58 pm

    Uauuu, esse post está perfeito!!!! Super dicas e fotos maravilhosas!!! Fiquei insipiradíssima!!!
    Obrigada, Mic!!!
    Beijinhosss!!!

  16. março 31, 2009 10:32 pm

    Maravilhoso esse post.
    Está guardadinho aqui pra sempre que eu precisar relembrar.
    Agora essa foto do armário está demais e eu tenho uma assim da minha filhota também, mas ela não precisa ver uma porta aberta ela mesmo abre e sai tirando tudo e entra, rss
    Obrigada!!!

    Dani Vignoli’s last blog post..LO destaque na Scrap Orchad

  17. abril 1, 2009 11:45 am

    Mic do céu
    Que post maravilhoso!
    Amei!
    Obrigada

    Marisa Sócio’s last blog post..Melissa Daniel: novo kit!

  18. abril 1, 2009 2:13 pm

    ‘dorei tudim…..

    Camila Pontes’s last blog post..CT!!!

  19. Márcia Resende permalink
    abril 2, 2009 7:20 pm

    Nossa!
    Aprendi tanto com esse post…
    Que fotos maravilhosas!

  20. Flavia Moraes permalink
    abril 3, 2009 2:38 pm

    Mic, como sempre vc arrasa nas dicas…
    Valeu !
    Beijos

  21. junho 24, 2009 10:39 pm

    Nunca pensei em encontrar um blog tão legal, eu entrei por acaso, pois estva na comunidade procurando figuras e amei os textos de dicas de fotografia e fora as fottos que são lindas!!!! PAIXÃO!!!!

  22. novembro 23, 2009 9:32 am

    caramba massa msm
    adorei
    bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: