Skip to content

Sinestesia

setembro 8, 2009
tags:
by

Em se tratando de cores, a primeira pergunta é: Qual a sua preferida? Assim como a resposta é diferente para cada pessoa, o motivo que nos leva a optar entre as mais variadas tonalidades é completamente subjetivo, baseado em experiências vividas anteriormente. Algumas cores nos fazem lembrar bons momentos, outras despertam instintos que preferimos esconder e a nossa escolha traduz o estado de espírito que desejamos viver ou transmitir aos que nos rodeiam.

Existem estudos e experimentos muito antigos a respeito da influência das cores sobre nós, no entanto isso ficou mais evidente após Wundt ter estabelecido a divisão entre cores quentes e frias; após esse marco podemos perceber como determinadas cores são estimulantes e sugerem movimento e vitalidade, enquanto outras são mais suaves e estáticas, sugerindo calma e tranquilidade.

Cada cor transmite uma sensação que pode ou não se repetir quando combinadas a outras, mas isoladas elas tendem a transmitir:

BRANCO – pureza, inocência, reverência, paz, simplicidade, esterilidade, rendição.

Special Delivery – Ana Amorim

PRETO – poder, modernidade, sofisticação, formalidade, morte, medo, anonimato, raiva, mistério.

Be Yourself – Cintia Tavares

VERMELHO – paixão, força, energia, amor, velocidade, liderança, masculinidade, alegria (China), perigo, fogo, raiva, revolução.

Minnie – Gabi Butcher

AMARELO – concentração, otimismo, alegria, felicidade, idealismo, riqueza (ouro), fraqueza.

Before and After – Ana Calabresi

VERDE – natureza, primavera, fertilidade, juventude, desenvolvimento, riqueza, dinheiro (EUA), boa sorte, ciúme, ganância

Sou Feliz Assim – Ana Reis

AZUL – harmonia, confidência, conservadorismo, austeridade, monotonia, dependência, tecnologia

New York – Fe Pacheco

LARANJA – energia, criatividade, equilíbrio, entusiasmo, diversão

Brincar é bom demais – Lia Lotito

VIOLETA – espiritualidade, criatividade, realeza, sabedoria, resplandescência, dor

Blue Eyes – Natasha

Entretanto, como as cores dificilmente são encontradas sozinhas, não apenas as combinações, mas o contexto em que as visualizamos interferem nas sensações que elas nos transmitem. Por exemplo o VIOLETA é uma cor que nos dá a sensação de espiritualidade e resplandescência, no entanto quando associado à tragédia reforça o sentido de dor e pesar.

Como em outros trabalhos de design, o scrapbooking utiliza as cores como um elemento muito forte, mesmo que a imensa maioria das scrappers não se dê conta disso. A relação entre a cor escolhida e o tema da página, se feita de maneira criteriosa, pode transmitir uma compreensão muito mais ampla e exprimir de maneira mais completa a idéia e a sensação do momento em que foi feita a fotografia.

Então, fica a dica: abuse da simbologia das cores para ter uma página que transmita não apenas beleza estética, mas também sensações que não podem ser transmitidas apenas no journaling.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: